Veja como gatos reagem a almofadas que têm a cara deles - Pet é pop

Veja como gatos reagem a almofadas que têm a cara deles



Estranhamento, amor, indiferença. Essas são algumas das reações que os gatos demonstram ao ser apresentados a almofadas com as suas caras. As imagens abaixo vão desde um bichano apaixonado até um que prefere estudar a peça à distância. Em comum, todas são fofas e divertidas.

“O que é tão engraçado?”, pergunta o gato

 

A dona comprou por impulso e parece que o gato aprovou

 

Cego de um olho, esse gato ganhou um enxoval novo, com almofada e cobertor

 

Christopher Ayres, que dubla personagem na animação “Dragon Ball Z”, exibe orgulhoso a almofada que mandou fazer para o seu sphynx

 

O gato Harry estranhou no começo, mas depois se apaixonou pela almofada que os donos compraram

 

A namorada do designer Spicy Emo mandou fazer a almofada com a cara do gato. Enquanto o bichano não se define, o dono diz que já passou horas com a cabeça repousada na peça

 

E tem gato celebridade que aproveita a onda para faturar. É o caso de Cole e Marmelade, que são de Tampa, na Flórida, e são seguidos por 50,4 mil pessoas no Twitter

 

Não há gatos de carne e osso na imagem abaixo, mas abrimos uma exceção para essas peças feitas pela Creative Cartoon. Se tivéssemos um gato minimamente parecido com essas almofadas, dificilmente deixaríamos de encomendar

Veja também

+ Golden retriever obeso é abandonado, ganha nova família e perde 45 kg

+ Artista recria rostos de imperadores romanos

+App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+McDonald’s vende molho especial pela primeira vez no Brasil

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Edu Guedes faz desabafo sobre acidente de moto: ‘O susto foi grande’

+ Saiba mais sobre a vacina BCG, uma das mais importantes da infância

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo


  • Back to top