Tudo o que você precisa saber para cuidar dos dentes do seu cão - Pet é pop

Tudo o que você precisa saber para cuidar dos dentes do seu cão

Tudo o que você precisa saber para cuidar dos dentes do seu cão
 Tudo o que você precisa saber para cuidar dos dentes do seu cão

Tudo o que você precisa saber para cuidar dos dentes do seu cão (Foto: JacieLou DL/Pixabay)

Muitas pessoas acreditam que os cães geralmente têm bocas mais limpas em comparação com os humanos e, portanto, não precisam de uma limpeza nos dentes. Na realidade, porém, os cães têm a mesma probabilidade de desenvolver placa e tártaro e até mesmo mau hálito.

Veja também:

Saiba qual é a melhor maneira de manter limpos os dentes de cães e gatos
Fotos registram mudanças surpreendentes em cães de abrigo
Concurso de fotos engraçadas: cavalos sorridentes, gatos malabaristas e cães ‘loucos’ são finalistas

Por que a higiene dental é tão importante?

Os cães podem sofrer de uma ampla gama de distúrbios dentais, como:

  • Halitose
  • Doença periodontal
  • Gengivite
  • Doença gengival em proliferação
  • Infecção de dente

A maioria desses distúrbios é causada por bactérias dos alimentos que se acumulam na boca do cão. Além do acúmulo de placa bacteriana e do mau hálito, isso pode causar cáries e perda de dentes. Nesses casos, você provavelmente terá que levar seu cão para uma extração dentária, o que é doloroso e caro.

Em casos graves, as bactérias presentes nos dentes e gengivas podem entrar na corrente sanguínea de um cão, afetando órgãos vitais, como coração, fígado e rins. Pode até ter consequências fatais. Além disso, seu cão pode desenvolver cistos benignos e tumores malignos na boca.

É por isso que é importante prestar atenção à higiene dental do seu cão. Confira algumas dicas de como cuidar corretamente dos dentes do seu amigo peludo:

1. Escove os dentes do seu cachorro

Isso é mais fácil falar do que fazer. Dependendo da idade do seu cão, eles podem ser particularmente avessos à ideia. Para começar, certifique-se de estabelecer uma rotina de escovação enquanto seu cão ainda é um filhote. Em seguida, você precisa escolher uma escova de dentes canina especializada.

Não utilize escovas de dentes para humanos. Você precisa de uma escova de dupla cabeça especialmente projetada com cerdas em um ângulo de 45 graus. Ele garante que a escova pode acessar e limpar parte da boca abaixo da linha da gengiva.

Se o seu cão fica agressivo ou agitado durante a limpeza dos dentes, é recomendado que você comece devagar e aumente gradualmente o tempo de escovação. Além disso, você pode recompensá-los com algumas palavras de incentivo ou petiscos depois para reforçar uma visão positiva em relação à rotina.

2. Pare de usar sua pasta de dente usual

A maioria dos enxaguatórios bucais e cremes dentais feitos para uso humano contém flúor, que pode envenenar seu cão. É por isso que é recomendado que você use apenas produtos formulados para cães.

Os enxaguatórios bucais são particularmente úteis se você tiver um cão agressivo e indisciplinado. Basta misturar uma pequena quantidade do líquido na água de beber do seu cão para cuidar das bactérias nocivas e da formação de placas.

3. Use produtos dentais para cães

A maioria dos tratamentos dentários e mastigáveis ​​contém ingredientes que matam as bactérias e reduzem o acúmulo de placa bacteriana. Eles também são formulados para manter o hálito do seu cão fresco e promover a saúde bucal. Mastigações feitas de substâncias naturais, como carne ou ossos, também contêm enzimas que promovem a saúde bucal.

4. Leve seu cachorro para uma limpeza dental

Se seu cão não deixa você escovar os dentes em casa, limpezas dentais regulares são obrigatórias. Mesmo que você escove com frequência, é importante agendar uma limpeza de rotina com seu veterinário.

Além de remover a placa bacteriana e o acúmulo de tártaro, o veterinário também costuma limpar a linha das gengivas e polir os dentes. Além disso, pode ser útil na identificação de infecções orais ou cistos subjacentes.

5. Cuidado com os sinais de infecção

Seu cão tem mau hálito apesar da escovação regular dos dentes? Suas gengivas estão vermelhas e inchadas? Você vê um pouco de sangue nas gengivas ou dentes? Você notou alguma mudança recente nos hábitos de mastigação e alimentação do seu cão?

Se o seu cão apresentar algum dos sintomas acima, isso pode indicar alguma doença bucal. Outros sinais de infecção dentária incluem:

  • Excesso de saliva
  • Dentes descoloridos ou tortos
  • Crescimentos dentro da boca

Certifique-se de fazer um exame odontológico completo para identificar a causa e discutir o curso de tratamento com seu veterinário.

  • Back to top