Treinador diz que estamos dando afeto na hora errada aos nossos cães - Pet é pop

Treinador diz que estamos dando afeto na hora errada aos nossos cães

Treinador diz que estamos dando afeto na hora errada aos nossos cães
Treinador diz que estamos dando afeto na hora errada aos nossos cães
Treinador diz que estamos dando afeto na hora errada aos nossos cães (Foto: Manuel Meza/Unsplash)

Um treinador de cães famoso disse que a afeição humana na hora errada pode causar um impacto prejudicial no comportamento do seu cão.

Veja também:

+ As 5 melhores raças de cães para quem precisa de companhia
+ O que quer dizer cada um dos sons que os cães emitem? Ciência explica
+ Foto: cães se conhecem na rua, trocam abraço e quebram a internet

Segundo Jimmy Allen, dono da empresa Dog Pawfection, a maioria das interações com cães fazem os humanos se sentirem bem e também reforçam o mau comportamento dos cachorros.

“Por exemplo, quando os donos voltam do trabalho e cumprimentam seus cães quando eles entram pela porta, o alô e o elogio dizem ao cão que não há problema em ficar animado e pular sobre os outros”, disse ele ao TeamDogs. “Sempre que o humano tem o instinto de dar carinho a um cachorro, geralmente é a hora errada para fazê-lo.”

Outro problema com que ele se depara diariamente são os donos de cães que compram cães com base em sua aparência, e não em sua genética e temperamento. “A genética tem um papel importante na vida dos filhotes. Se a mãe e o pai forem agressivos, há uma grande chance de que o filhote também o seja”, explicou o especialista. “Embora você seja capaz de manter sua natureza agressiva e viver uma vida feliz, nunca será relaxado e ficará sentado ao seu lado.”

O ex-operador da fábrica de vidro sugeriu que uma solução simples para resolver esse problema era levar o cachorro para passear antes de levá-lo para casa. Dessa forma, ele permite que você veja como ele age com a guia e ao redor de outros cães.

  • Back to top