Todo dono de bichanos tem muito a aprender sobre nutrição com Hercules, o gato obeso - Pet é pop

Todo dono de bichanos tem muito a aprender sobre nutrição com Hercules, o gato obeso

Todo dono de bichanos tem muito a aprender sobre nutrição com Hercules, o gato obeso
Todo dono de bichanos tem muito a aprender sobre nutrição com Hercules, o gato obeso
Todo dono de bichanos tem muito a aprender sobre nutrição com Hercules, o gato obeso (Foto: fatcathercules.com)

Hercules é um gato obeso desde quando era filhote. Segundo seus donos, o felino, que infelizmente faleceu antes do Natal do ano passado, ganhou peso astronomicamente rápido e acabou perdendo uma batalha contra a pancreatite.

Veja também:

+ Vídeo: gato obeso aprende a abrir portas para fugir da dieta; dona coloca cadeado na geladeira
+ 4 dicas para adaptar o seu pet a uma casa nova
+ Especialista ensina como apresentar um filhote de cão para o gato da casa

Apesar disso, Hercules viveu uma vida excelente e se tornou uma sensação na internet quando seus donos decidiram narrar a jornada de perda de peso do felino no site Fat Cat Hercules, além das mídias sociais, onde acumulou mais de 250 mil fãs.

“Ele era famoso por ser simplesmente gordo sem remorso”, disse Kathryn, dona de Hercules, ao Toronto Star. “A persona que ele tinha online era que ele odiava sua dieta e não sabia por que seus humanos não abraçaram o movimento de positividade corporal.”

De acordo com especialistas, estima-se que 50% dos gatos de meia-idade na América do Norte sejam obesos. E, uma vez que estão acima do peso, pode ser muito difícil perder o excesso. A boa notícia é que os cientistas já estão procurando soluções para esse problema.

As pesquisadoras Adronie Verbrugghe e Hannah Godfrey publicaram os resultados de sua pesquisa com gatos no início deste ano. Elas descobriram que os filhotes que comiam uma dieta enriquecida com colina comiam menos e ganhavam menos peso do que o grupo que comia de acordo com as diretrizes nutricionais atuais.

E, uma das coisas mais interessantes de tudo isso, é que os gatinhos foram esterilizados e castrados. Como muitos donos de gatos sabem, esse é o momento em que a maioria dos gatos começa a ganhar peso, porque é uma coisa hormonal. E quatro em cada cinco gatos domésticos são esterilizados ou castrados, o que os coloca em risco de obesidade.

Verbrugghe espera que este seja um passo importante para reavaliar as necessidades nutricionais dos gatos. “O objetivo desta pesquisa é realmente convocar a indústria de alimentos para animais de estimação a mudar as dietas atualmente disponíveis e incluir níveis mais altos de colina – não apenas o mínimo necessário para prevenir deficiências, mas um volume adicional que apoiaria o crescimento ideal e beneficiaria o metabolismo da gordura”, explicou ela.

E os gatos que já estão acima do peso? Infelizmente, não há evidências de que aumentar a quantidade de colina na alimentação de gatos obesos ajude na perda de peso.

“Os gatos são realmente complicados quando se trata de perda de peso”, acrescentou Verbrugghe. “Se você restringir demais as calorias, poderá causar a mobilização de gorduras no corpo e o armazenamento no fígado, o que às vezes pode levar à lipidose hepática.”



  • Back to top