Saiba o que fazer para que seu pet não ‘enlouqueça’ com o barulho dos fogos de artifício - Pet é pop

  • Saiba o que fazer para que seu pet não ‘enlouqueça’ com o barulho dos fogos de artifício

    -->



    Nesta terça-feira, dia 2, tem Brasil e Argentina pela Copa América. Festas juninas pipocam em vários pontos das cidades. Em comum, esses dois acontecimentos têm a queima de fogos de artifício. E esse barulho costuma assustar bastante muitos animais de estimação, principalmente os cães e gatos.

    Por conta da audição muito sensível, ambos detectam o som quatro vezes mais distante do que os humanos. Com isso, podem entrar em pânico e ficar desorientados, o que muitas vezes os levam a sair correndo desesperados e sem rumo, colocando a própria vida em risco.

    Para essas situações, é recomendado criar um ambiente tranquilo para acomodar os pets nos momentos de barulho mais intenso. Também ajuda manter janelas fechadas, criar um esconderijo com acolchoados para abafar os estímulos auditivos ou colocar uma música suave tocando em volume que ajude a diminuir o som externo.

    Também é importante retirar do ambiente móveis ou objetos que contenham partes com pontas ou de vidro e oferecer um petisco ou um brinquedo para desviar a atenção do animal.

    Caminhada calmante

    Se for possível antecipar o momento em que é provável a queima de fogos, como antes de um jogo da seleção, dá para minimizar o sofrimento do pet com uma longa caminhada horas antes. A atividade física ajudará o animal a ficar mais relaxado na hora dos fogos.

    Além disso, o comportamento do tutor tem papel fundamental na forma como o animal vai encarar essa situação. O dono deve ter cuidado para não reforçar o medo e tentar passar confiança e tranquilidade na hora de se comunicar com o animal de estimação, buscando agir sempre com naturalidade.

    Com informações da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo

  • Back to top