Saiba o que fazer caso o seu gato apresente um hálito desagradável - Pet é pop

Saiba o que fazer caso o seu gato apresente um hálito desagradável

Saiba o que fazer caso o seu gato apresente um hálito desagradável
Saiba o que fazer caso o seu gato apresente um hálito desagradável
Saiba o que fazer caso o seu gato apresente um hálito desagradável (Foto: Ariana Suarez/Unsplash)

O hálito de um gato não deve cheirar como menta, mas algo tão mundano como um pedaço de comida preso entre os dentes do seu companheiro felino pode produzir um odor desagradável.

Veja também:

+ Cuidar do tártaro melhora o hálito e muitas outras coisas na saúde do seu cão
+ Aprenda a identificar os sinais de estresse e ansiedade no seu cão
+ Vídeo: cachorro muito inteligente usa botões para se comunicar com a dona

Mas se a respiração do gatinho constantemente faz você torcer o nariz, pode ser um sinal de que algo está errado. Aqui estão algumas causas comuns de halitose em gatos e maneiras de prevenir e tratar essa condição:

1. Doença periodontal

Embora muitas coisas possam produzir odores na boca, os veterinários concordam que a doença periodontal é a causa mais comum de mau hálito em gatos. A doença periodontal é uma infecção que resulta do acúmulo de placa dental mole nas superfícies dos dentes ao redor das gengivas, de acordo com o Veterinary Oral Health Council.

As bactérias na placa dentária irritam o tecido gengival se a placa se acumular, o que pode levar à infecção no osso ao redor dos dentes. Em apenas alguns dias, a placa pode mineralizar e endurecer em tártaro, o que fornece uma superfície áspera que facilita o acúmulo de mais placa.

Se você ignorar a doença periodontal, pode levar à perda de dentes, sangramento nas gengivas, dor e outros problemas. Para tratá-lo, seu gato deve fazer uma limpeza profissional dos dentes no consultório do veterinário.

Seu animal de estimação receberá anestesia geral e, uma vez sedado, o veterinário removerá a placa e o tártaro de seus dentes e verificará se há algum dente doente que possa precisar ser extraído.

Uma higiene oral consistente pode prevenir o retorno da doença periodontal. Escovar os dentes do seu animal de estimação todos os dias é a melhor coisa que você pode fazer. Confira algumas dicas de higiene dental para seu gato aqui!

2. Gengivoestomatite Linfoplasmocítica Felina

Em alguns casos, o hálito pútrido é causado por uma condição chamada gengivoestomatite linfoplasmocítica felina, que pode estar associada ao vírus da leucemia felina, vírus da imunodeficiência felina, calicivírus ou Bartonella e outras infecções.

O tratamento pode envolver a limpeza e remoção de alguns ou todos os dentes, diz ela. Gatos com esta condição também podem precisar de antibióticos.

Além da gengivite crônica e estomatite, os gatos com calicivírus felino podem sofrer de infecções respiratórias superiores, caracterizadas por corrimento dos olhos, coriza, espirros e ulcerações na língua.

3. Cânceres bucais

Os cânceres orais também podem produzir odores desagradáveis ​​na boca. À medida que um tumor cresce, pode ser infectado e causar halitose. Esses tipos de cânceres diminuem bastante a expectativa de vida dos felinos, com especialistas afirmando que os gatos normalmente vivem apenas mais dois a seis meses.

4. Doença renal

Às vezes, o mau hálito sinaliza um problema de saúde que se origina fora da boca. Se o hálito do seu gato cheira a amônia ou urina, pode ser sinal de uma doença renal, o que não é incomum em gatos com 8 anos ou mais. Além de ter mau hálito, os gatos com doença renal podem parecer letárgicos, perder peso, beber mais água e urinar com mais frequência e em maior volume.

A doença renal pode ser gerenciada com modificações na dieta, como minimizar o teor de fósforo dos alimentos, garantir que seu gato esteja adequadamente hidratado e lidar com problemas secundários, como anemia ou pressão alta.

5. Diabetes

Se o hálito do seu gato tiver um odor frutado, isso pode indicar diabetes, especialmente se o animal também estiver bebendo mais água do que o normal, urinando com mais frequência e perdendo peso apesar de ter um apetite voraz. Diabetes em gatos pode ser controlada com insulina.

6. Doença hepática

Além do mau hálito, um gato com doença hepática pode apresentar amarelecimento do branco dos olhos ou amarelecimento da pele nas orelhas ou nas gengivas. O felino também pode estar letárgico, ter falta de apetite, vômitos ou diarreia e beber e urinar mais do que o normal. O tratamento depende da causa da doença hepática, segundo especialistas.



  • Back to top