Saiba como limpar corretamente a orelha do seu cão em seis passos - Pet é pop

Saiba como limpar corretamente a orelha do seu cão em seis passos



Os veterinários alertam: a segunda maior razão que faz os donos levarem seus cães a uma clínica são as infecções nos ouvidos. Geralmente, elas têm tratamento descomplicado, mas obrigam novas visitas ao veterinário e gastos com medicamentos.

Pra evitar esses desembolsos, veterinários consultados pelo site Petguide elaboraram uma lista com seis dicas para manter os ouvidos do seu animalzinho limpos e livres de infecções.

Antes das dicas, um aviso: não limpe demais. Se você fizer isso, vai retirar a cera que lubrifica e protege os canais auditivos. Como os humanos, os cães precisam de um pouco dessa cera, para formar uma barreira saudável.

Pixabay

Por fim, a raça do animal define a necessidade e frequência da limpeza. Cães com orelhas em pé geralmente estão livres de infecções. Mas aqueles de orelha mole e peluda, como retrievers, poodles e cockers, fornecem um abrigo quente e macio para os vermes que provocam a doença.

Claro que as dicas abaixo devem ser feitas caso o cão não esteja sacudindo a cabeça e coçando as orelhas em excesso. Ou estarem apresentando algum tipo de secreção nos ouvidos. Nesses casos, corra para o veterinário.

 

Enfim, as dicas

1 – O que evitar

Nunca use hastes flexíveis do tipo Cotonete para limpar as orelhas de cachorro. Assim como com os ouvidos humanos, esses produtos empurram a sujeira para dentro do canal auditivo. Além disso, jamais utilize álcool ou peróxido de hidrogênio, pois pode irritar a região. Em qualquer ponto do processo, se o seu cão estiver com dor, pare imediatamente, pois isso pode ser sinal de uma infecção no ouvido.

Pixabay

2 – Solução

Use muito líquido para dissolver os detritos e cera nos ouvidos do seu cão. O recomendável é utilizar uma solução para limpeza da orelha, encontrável em qualquer petshop. Se transbordar um pouco, sem problemas. Esfregue e massageie a parte inferior da orelha e dobre-a com a mão. Faça isso por cerca de 30 segundos.

 

3 – Líquido mágico

Pegue um lenço de papel e limpe suavemente a gosma da orelha. Alguns detritos marrons vão aparecer. Se você repetir a operação e ainda perceber muita gosma, pare o processo e volte a repeti-lo dentro de um ou dois dias.

Dessa forma, o líquido limpador tem um tempo para fazer a sua magia e suavizar a cera, para que você possa retirar os excessos. Se você ainda notar muita sujeira marrom saindo do ouvido do seu cão, pode ser um sinal de uma infecção no ouvido. Procure seu veterinário.

Pixabay

4 – Bola de algodão

Se o seu cão resiste ao processo de limpeza, use uma bola de algodão humedecida com a solução de limpeza de ouvido. Não use lenços de papel para isso, porque embebidos na solução, eles podem se desfazer no ouvido e ficar no canal.

Coloque a bola de algodão no ouvido do cão e massageie como no passo 2. Após 30 segundos de massagem, retire a bola de algodão do ouvido. Pegue um lenço seco e limpe os excessos de gosma marrom. Repita este passo, se necessário.

5 – Dia no spa

Um pouco da solução pode ficar no ouvido do cão. Você não precisa se preocupar com isso, pois não causa nenhum dano. Caso seja o dia de o cão tomar banho, limpe os ouvidos antes. Será como um dia no spa para ele.

 

6 – Recompensa

Assim como qualquer processo que possa ser desagradável para o seu cão, termine com muitos elogios e mimos por ter sido um bom menino ou menina!

Veja também

+ Golden retriever obeso é abandonado, ganha nova família e perde 45 kg

+ Artista recria rostos de imperadores romanos

+App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+McDonald’s vende molho especial pela primeira vez no Brasil

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Edu Guedes faz desabafo sobre acidente de moto: ‘O susto foi grande’

+ Saiba mais sobre a vacina BCG, uma das mais importantes da infância

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo


  • Back to top