Saiba como evitar infecções gastrointestinais em filhotes de pets - Pet é pop

Saiba como evitar infecções gastrointestinais em filhotes de pets

Saiba como evitar infecções gastrointestinais em filhotes de pets
Saiba como evitar infecções gastrointestinais em filhotes de pets
Saiba como evitar infecções gastrointestinais em filhotes de pets (Foto: Divulgação)

Com o sistema gastrointestinal e imunológico ainda imaturos, os filhotes de cães e gatos são mais suscetíveis a infecções intestinais. “Porém, o fato de serem comuns não significa que esses problemas inspiram menos cuidados, pelo contrário, precisam de atenção dos tutores”, explica a médica veterinária Patricia Guimarães, responsável técnica pelo departamento de marketing da Syntec do Brasil.

Veja também:

+ Horário, quantidade, quantas vezes ao dia? Tire suas dúvidas sobre a alimentação do seu cão
+ Tudo o que os cientistas sabem sobre a memória dos cães
+ Por que os cães gostam tanto de carinho na barriga? A ciência responde

“Problemas gastrointestinais representam aproximadamente 70% dos atendimentos veterinários em São Paulo, por exemplo. Apesar de parecer um problema simples, é necessário ter cuidado com as infecções intestinais, pois elas podem causar sérios danos à saúde dos filhotes, incluindo febre, vômitos e diarreia, podendo até levar à morte”, completa a especialista.

“Isso ocorre porque, quando filhotes, os pets ainda não têm capacidade imunológica adequada para combater possíveis agentes agressores. Eles ficam mais expostos e são afetados facilmente por doenças causadas por vírus, parasitas intestinais, bactérias e protozoários, além de hipersensibilidade alimentar, estresse e ingestão de algum corpo estranho”, detalha Patricia Guimarães.

A veterinária recomenda realizar programas periódicos de vacinação e vermifugação para proteger os filhotes. “Temos de estar atentos aos pets, evitando que mastiguem e engulam objetos que possam causar lesões no sistema gastrointestinal (como linhas e objetos pontiagudos). Além disso, é importante fornecer alimentação balanceada, evitar que eles entrem em contato direto com animais sem histórico de vacinação e vermifugação (principalmente se eles ainda não foram vacinados e vermifugados) manter a higiene do ambiente e fazer controle mensal contra pulgas e carrapatos”.

Em relação ao tratamento dessas doenças, a especialista da Syntec explica que depende da origem do problema intestinal que acomete os filhotes. “Em casos de diarreias e vômitos, é necessário corrigir a desidratação. Em outros momentos, a prescrição de dieta diferenciada, com ingredientes facilmente digeridos, se torna inevitável, além do uso de medicamentos que tratem a sintomatologia apresentada”.

O antibiótico Diaziprim, produzido pela Syntec, possui amplo espectro de ação e combate diversas infecções bacterianas que acometem cães e gatos, tanto filhotes como adultos. Uma das indicações é para o tratamento de infecções gastrointestinais. A solução conta com dois antibióticos em sua composição, os quais, quando associados, aumentam o espectro de ação contra as bactérias, atuando em diversos sistemas e tecidos, além de dificultar o aparecimento da resistência bacteriana. Diaziprim possui aroma de baunilha, que facilita a aceitação pelos pets.

Sobre a Syntec

A Syntec é uma indústria de produtos para saúde animal 100% brasileira, com foco em medicamentos e suplementos veterinários de alta complexidade. Seu portfólio é amplo, incluindo terapêuticos, especialidades, produtos para higiene e saúde, suplementos e, agora, vacinas animais. Mais informações: www.syntec.com.br

  • Back to top