Receitas de pipoca: cães também participam de festa junina - Pet é pop

Receitas de pipoca: cães também participam de festa junina

Pipoca



Pipoca
Imagem de Free-Photos por Pixabay

A roupa de caipira está liberada, mas os cães também podem aproveitar algumas guloseimas típicas de festa junina, como a pipoca. De acordo com a veterinária Amanda Peres, o petisco pode ser servido a seu pet em ocasiões especiais se preparado de maneira correta. Confira duas receitas de pipoca para cães!

Veja também:

A especialista explica que a pipoca pode ser consumida pelo cachorro em ocasiões especiais, pois o milho tem baixo valor nutritivo para as dietas caninas. Mas a veterinária Amanda Peres alerta que, se for preparada com óleo ou manteiga, sal e temperos, ela prejudicará a saúde do animal devido à quantidade de gordura e de sódio que esses condimentos trazem à corrente sanguínea do cachorro.

Veja o passo a passo completo de duas receitas de pipoca para pets:

Ingredientes:

– 1 xícara de milho natural;

– ½ xícara de água;

– Saco de papel;

– Panela com tampa ou micro-ondas;

– Recipiente para servir o petisco;

Modo de preparo 1:

– Dê preferência ao grão de milho natural, ou seja, opte por aqueles vendidos em sacos transparentes ou comprados soltos. Nunca utilize pipoca de micro-ondas;

– Coloque os milhos naturais dentro de uma panela e acrescente meia xícara de água;

– Feche metade da panela com a tampa, deixando um espaço pequeno para o milho respirar;

– Em fogo médio, a água quente irá estourar os grãos;

– Espere esfriar um pouco e sirva para o cachorro sem acrescentar sal ou outro tempero.

Modo de preparo 2:

– Coloque uma xícara de milho natural dentro de um saco de papel, como aqueles que são utilizados para embalar pão;

– Com o saco de papel bem fechado, coloque-o dentro do micro-ondas e deixe aquecer por alguns minutos. O tempo irá depender da potência do seu aparelho. O grão de milho irá estourar sem precisar de nada adicional;

– Deixe esfriar e sirva para o pet na sequência.

Ofereça uma porção pequena para o seu cão, para que ele sacie sua vontade sem causar danos e desequilíbrios ao seu organismo. Lembre-se de não adicionar sal ou qualquer outro condimento à receita, a pipoca tem de ser dada a seu pet em sua forma mais natural possível.

Veja também:

 

Veja também

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las
+ Edu Guedes faz desabafo sobre acidente de moto: ‘O susto foi grande’
+ Saiba mais sobre a vacina BCG, uma das mais importantes da infância
+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro
+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok
+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo

  • Back to top