Para fugir do furacão Ida, dona voa com seus 8 gatos - Pet é pop

Para fugir do furacão Ida, dona voa com seus 8 gatos

Para fugir do furação Ida, dona voa com seus 8 gatos
Para fugir do furacão Ida, dona voa com seus 8 gatos
Para fugir do furacão Ida, dona voa com seus 8 gatos (Foto: Reprodução/Reddit)

Quando o furacão Ida atingiu a pequena cidade costeira de Lafitte, em Louisiana, EUA, Elizabeth, de 32 anos, decidiu voar com seus oito gatos para protegê-los.

Veja também:

+ Exposição transforma gatos em obras-primas das artes plásticas
+ Após a morte de 330 gatos, fabricante de ração faz atualização de segurança
+ Azul passa a acolher pets em seus voos internacionais

“Sabíamos que isso era sério quando vimos as previsões”, disse ela ao The National no dia 27 de agosto. “Foi quando fiz a reserva do hotel.”

Ela agora está escondida no quarto do hotel com seus oito gatos de resgate, enquanto seus pais ficaram com parentes. “Nós teríamos internado [os gatos] em um veterinário, mas era muito caro. Felizmente, este hotel aceita animais de estimação e nos acomoda devido às circunstâncias”, disse Elizabeth, que pediu para usar um pseudônimo por medo de assédio online.

Até agora, Ida deixou centenas de milhares sem energia ou água no calor sufocante do verão americano. Como milhares de outras pessoas, Elizabeth não tem ideia do que aconteceu com a casa de sua família.

“Ainda há [um] sentimento de incerteza e impotência… Não temos muita comunicação com Lafitte porque o serviço de telefone está passando por dificuldades. Não sabemos a situação da nossa casa. E não temos ideia de quando poderemos retornar”, lamentou.

Enquanto espera a tempestade diminuir, Elizabeth decidiu postar fotos de seu quarto de hotel na plataforma de mídia social Reddit. A postagem viralizou. “Evacuamos de Ida com oito gatos. Aqui estamos aproveitando ao máximo em um quarto de hotel. Minha cidade inteira está debaixo d’água. Vamos ficar aqui um pouco…”, escreveu ela na legenda do post.

Elizabeth disse que “preferia morrer em uma tempestade” a abandoná-los. “Eles são meu coração”, disse ela. Quatro dos oito gatos são irmãos que Elizabeth alimentou com mamadeira durante a pandemia. “Dois deles foram salvos de pontes como gatinhos. Um é um outdoor e um nos adotou.”

Mas, este não é o primeiro encontro de Elizabeth com uma tempestade devastadora. “Eu tinha 16 anos quando o [furacão] Katrina me atingiu. Acabamos ficando em um hotel por três semanas. Katrina foi uma mudança de vida. Nova Orleans nunca mais foi a mesma”, relembrou.

O furacão Katrina, uma tempestade de categoria 5, matou mais de 1.800 pessoas e causou US$ 125 bilhões em danos quando caiu em agosto de 2005, atingindo a cidade de Nova Orleans e áreas vizinhas com mais força.

Embora existam muitas semelhanças entre o furacão Ida e o Katrina, para Elizabeth, ela diz que ser adulta significa que a situação é mais estressante, pois há decisões maiores a serem tomadas. Felizmente, ela diz que sua família tem um plano de contingência para quando ocorrerem desastres naturais.

“Minha família tem a sorte de ter seguro para situações como esta. É uma despesa extra, então nem todos podem pagar”, ressaltou.

  • Back to top