Mulher em quarentena vê seu cão destruindo a casa por meio de câmera de segurança - Pet é pop

Mulher em quarentena vê seu cão destruindo a casa por meio de câmera de segurança

Mulher em quarentena vê seu cão destruindo a casa por meio de câmera de segurança
Mulher em quarentena vê seu cão destruindo a casa por meio de câmera de segurança
Mulher em quarentena vê seu cão destruindo a casa por meio de câmera de segurança (Foto: Pixabay)

Uma mulher que teve que ficar em quarentena por 14 dias por conta de um surto de Covid-19 na cidade chinesa de Xi’an teve sua casa virada de cabeça para baixo por seu cachorro.

Veja também:

+ Quarentena: dicas para preparar seu pet para volta da rotina
+ Vídeo: com lambidas, gato mostra o jeito mais fofo de acordar um bebê
+ Vídeo hilário: brinquedo do filhote fica preso no alto, mas mamãe gato dá um jeito

A dona, identificada como Liu pelo veículo de comunicação chinês HouLang News, disse que não teve permissão para levar o cãozinho para passar a quarentena com ela, então preparou comida suficiente para o animal, instalou uma câmera de vigilância e o deixou sozinho em casa.

Depois que ela saiu, o cachorro ficou sentado na porta da frente, esperando que ela voltasse. No segundo dia, o cachorro ficou agitado e começou a rasgar seu sofá, disse ela. O vídeo dos hábitos destrutivos do canino viralizou na rede social chinesa Weibo, acumulando mais de 12 milhões de visualizações.

“Todos os dias, estava destruindo a casa. Todos os dias estava destruindo um novo item. Quase tudo na casa está quebrado agora”, disse Liu ao HouLang News.

Nas imagens, o cachorro de Liu aparece mastigando um buraco em seu sofá e vasculhando um guarda-roupa enquanto uma variedade de utensílios domésticos estavam espalhados pelo chão, com móveis quebrados ao fundo.

“Destruiu todas as minhas bolsas, meus sapatos e minhas roupas”, disse Liu, acrescentando que ela tinha uma semana de quarentena e já havia começado a comprar novos móveis online.

Sua história levou alguns usuários do Weibo a defender que os animais de estimação fossem autorizados a ir com seus donos para a quarentena, em uma discussão que atingiu 310 milhões de visualizações, de acordo com a plataforma.



  • Back to top