Mulher é presa por fazer vaquinha para despesas médicas de cão morto - Pet é pop

Mulher é presa por fazer vaquinha para despesas médicas de cão morto

Mulher é presa por fazer vaquinha para despesas médicas de cão morto
Mulher é presa por fazer vaquinha para despesas médicas de cão morto
Mulher é presa por fazer vaquinha para despesas médicas de cão morto (Foto: David Taffet/Unsplash)

Uma mulher de 26 anos foi presa após arrecadar fundos para “contas de veterinário” para seu cachorro que já havia morrido. Kanna Sudo, do Japão, conseguiu um financiamento coletivo de US $ 16.000 (cerca de R$ 87 mil), de acordo com a agência de notícias local Yomiuri Shimbun.

Veja também:

+ Mulher é presa por enterrar seu cão vivo nos EUA
+ Vídeo: gato pula no colo do dono para receber carinho e encanta a internet
+ Recordes: confira os 10 cães que tiveram a vida mais longa na história

De acordo com o Asahi News, seu cachorro morreu em agosto. Desde então, Sudo postou pelo menos três atualizações nas redes sociais entre 29 de outubro e 13 de dezembro, dizendo que esperava que seu cachorro sobrevivesse e solicitando mais doações.

O golpe foi revelado mais tarde quando uma denúncia anônima alertou a polícia local em janeiro. Sudo não teve escolha a não ser admitir sua atividade fraudulenta depois de receber milhares de dólares em uma vaquinha online para seu retriever que já havia morrido.

Sobre o longo apelo de angariação de fundos para seu animal de estimação, Sudo alegou que estava arrecadando dinheiro para salvar o filhote de 7 meses de sua batalha contra “uma doença cardíaca grave”. “Não quero desistir porque não tenho dinheiro suficiente”, disse ela.

“É claro que todo o apoio que recebemos durante o restante do período de recrutamento será usado para as despesas médicas de Toi. Se os custos do tratamento listados acima não excederem o valor que você apoiou, usaremos o restante para futuros exames veterinários e medicamentos para Toi”, acrescentou Sudo na descrição da vaquinha online.

Ela compartilhou uma série de documentos para mostrar “um sinal da gravidade” para incentivar os doadores a ajudar com suas supostas contas do veterinário. Isso os levou a doar um valor entre 500 ienes japoneses (R$ 23) a 500.000 ienes japoneses (US$ 23 mil).

A campanha de arrecadação de fundos, que foi excluída, conquistou 407 doadores, com um valor total de 1.844.500 ienes japoneses.



  • Back to top