Mitos e verdades sobre a alimentação dos gatos - Pet é pop

Mitos e verdades sobre a alimentação dos gatos

Mitos e verdades sobre a alimentação dos gatos
Mitos e verdades sobre a alimentação dos gatos
Mitos e verdades sobre a alimentação dos gatos (Foto: Abeer Zaki/Unsplash)

Os gatos são animais com seus próprios gostos e preferências quando se trata de comida, por isso, muitos tutores têm dúvidas no momento de escolha do alimento. Métodos como mix feeding, que consiste na combinação de alimentos secos e úmidos na rotina diária dos gatos, traz muitos benefícios para os felinos.

Veja também:

+ Confira os cuidados com a alimentação de cadelas e gatas durante gestação e amamentação
+ Saiba como ajustar seu relógio com o do gato da família e dormir em paz
+ Confira a lista com as dez raças de gatos mais populares do mundo

Para tirar todas as suas dúvidas sobre o tema, a Médica Veterinária da ROYAL CANIN, Priscila Rizelo, trouxe os principais mitos e verdades sobre a alimentação felina e ainda deu dicas de como tornar esse momento mais prazeroso para o seu pet!

Gatos são exigentes para comer: VERDADE 

Os gatos, por possuírem um paladar menos desenvolvido do que o de cães e humanos, acabam negligenciando a comida por diversos motivos. Isso ocorre devido à menor quantidade de receptores gustativos, por isso eles são atraídos pelo aroma, sensação do alimento na boca, textura, forma e, por último, pelo sabor. “Como a preferência alimentar do gato se dá por uma série de fatores e pela palatabilidade, é preciso fazer testes com as diferentes texturas dos alimentos para ver qual é a que o animal mais se adapta”, explica a Médica-Veterinária.

A palatabilidade é uma característica do alimento que determina se ele será aceito ou rejeitado por um animal. A palatabilidade de um alimento é determinada pelos ingredientes, pelo processo de produção e pelas condições em que o alimento é armazenado. O termo “aceitação” é usado para indicar até que ponto o gato come espontaneamente e inclui a quantidade que o gato come e a velocidade com que se alimenta.

O sabor tem uma influência na palatabilidade, mas não é o principal e nem o primeiro fator levado em consideração para os gatos aceitarem um alimento, por isso, a recomendação do alimento deve ser baseada nas necessidades individuais, idade, raça e estilo de vida do animal e não somente pelo sabor.

Alimentos úmidos são petiscos: MITO

Os alimentos úmidos mesmo sendo considerados como petiscos por muitos anos, oferecem nutrição completa e balanceada aos felinos, por isso, não devem ser utilizados como complemento da alimentação. Sua principal diferença do alimento seco é que sua composição é composta por 80% de água, auxiliando na hidratação.

Alimentos úmidos auxiliam na hidratação dos gatos: VERDADE

Os gatos naturalmente bebem pouca água por serem animais de origem desértica. Por isso, o alimento úmido é um excelente aliado para estimular o consumo de água dos gatos, principalmente para os castrados. “A alta umidade dos alimentos úmidos é eficaz para estimular o consumo de água e a diluição da urina em gatos, o que ajuda a diminuir a concentração de minerais na urina”, ensina Priscila. O aumento do volume urinário também aumenta a frequência de eliminação da urina, deixando tempo insuficiente para agregação dos cristais na bexiga.

Alimentos úmidos são disponibilizados em apenas uma textura: MITO

Os alimentos únicos são disponibilizados em diversas texturas, sendo a mais conhecida Pedaços ao Molho. versão Jelly se caracteriza por uma textura mais gelatinosa e rica em fibras; e o alimento na versão Patê é mais macio e de fácil digestão. As diferentes texturas são importantes para o desenvolvimento e estímulo do paladar do gato, e é sempre importante a introdução dos alimentos úmidos desde de o início da vida do filhote, para que haja uma maior aceitação quando adulto.

Alimentos úmidos engordam e possuem muito sódio: MITO

É um mito acharmos que os alimentos úmidos engordam os pets. Ao contrário do que se imagina, os alimentos úmidos têm menos calorias do que os alimentos secos. O alto teor de umidade (>80%) “dilui” as calorias presentes no alimento, por isso são aliados na manutenção de peso. Um ponto importante para evitar que os pets ganhem peso é seguir a quantidade de alimento recomendada na embalagem e estimular a atividade física do seu gato.

Os alimentos da Royal Canin são completos e balanceados e a quantidade de todos os nutrientes seguem as recomendações nutricionais dos guias internacionais de nutrição. O sódio é um mineral que participa de uma série de funções e é essencial para a manutenção do equilíbrio do organismo.



  • Back to top