Mapa mostra as raças de cães mais populares em todos os continentes - Pet é pop

Mapa mostra as raças de cães mais populares em todos os continentes

Mapa mostra as raças de cães mais populares em todos os continentes
Mapa mostra as raças de cães mais populares em todos os continentes
Mapa mostra as raças de cães mais populares em todos os continentes (Foto: Pope Moysuh/Unsplash)

Uma pesquisa realizada pelo site HouseholdQuotes mostrou quais são as raças de cães mais populares em cada continente e os resultados foram surpreendentes. Confira!

Veja também:

Realizada por meio de pesquisas no Google, o site descobriu quais são as raças mais pesquisadas em todos os países do mundo.

E algumas descobertas se destacaram. Por exemplo, o Rottweiler é o cão número um em 34 países e o Pastor australiano é a raça mais pesquisada no mundo, com 913 mil pesquisas mensais no Google nos 4 países onde é a número um.

Confira o mapa completo:

 

(Foto: HouseholdQuotes)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Europa: 

O Reino Unido é conhecido como uma nação de amantes de cães, com cerca de um quarto dos adultos britânicos compartilhando uma população de 10,1 milhões de cães. O cão mais popular por lá é o Cockapoo, um cruzamento entre um Cocker spaniel e um Poodle.

O Border collie e o Cane Corso são os cães mais populares da Europa. Cada um deles é líder em sete países europeus. O Border collie é um cão pastor familiar, mas o Cane Corso não é muito conhecido fora da Europa.

(Foto: HouseholdQuotes)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

América do Norte:

O melhor cão da família é o número um no Canadá: o Golden retriever. Este trabalhador inteligente e confiante é a segunda raça mais pesquisada no estudo, e a raça mais popular em 22 países, derrotada apenas pelo Rottweiler (34) e pelo pastor alemão (29).

O cachorro mais famoso dos Estados Unidos é o pastor australiano. Apesar do nome, o pastor australiano é uma raça americana. Muito provavelmente, seu nome deriva das ovelhas australianas importadas que seus ancestrais pastoreavam. Esta raça é especialmente procurada agora por sua coloração manchada distinta e, muitas vezes, olhos de cores diferentes.

(Foto: HouseholdQuotes)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

América do Sul:

O cão número um é especialmente querido pelos sul-americanos: o poderoso Rottweiler. Antigamente uma raça cheia de estereótipos, hoje é avaliada como um cão que faz as duas coisas: oferece um aviso feroz a intrusos em potencial enquanto curte um pouco de tempo no sofá com sua família.

Por outro lado, os chilenos adoram o pug. Mas, é possível que eles estejam apenas pesquisando fotos do pequeno cãozinho no Google imagens, visto que os pugs tendem a sofrer em climas quentes. É aconselhável ter um cão mais resistente se o seu pug se sentir desconfortável ao seu redor.

(Foto: HouseholdQuotes)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Oriente Médio e Ásia Central:

O pastor alemão é o cão mais popular em sete países da região (mais 22 em todo o mundo). Este cão trabalhador com um coração de ouro também é conhecido como Alsaciano, depois que as tropas britânicas se recusaram a chamar seus colegas de quatro patas de “alemães” durante a Segunda Guerra Mundial.

São cães de guarda grandes em todo o Oriente Médio e na Ásia Central, já que Dobermanns e Rottweilers ocupam muitos dos países restantes. O Golden retriever é popular no Egito, embora cães perdidos ainda vaguem pelas ruas e a adoção de um cão sem-teto pode salvar uma vida.

(Foto: HouseholdQuotes)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Resto da Ásia e Oceania:

Raças asiáticas, como o Shiba inu, fizeram seu caminho para o oeste, em parte graças à facilidade de uso da Internet para exibir esse cachorrinho elegante. Mas, o Shiba deixa sua maior marca na Ásia, onde é líder em Hong Kong, Japão, Coréia e Cingapura.

O Pastor alemão e o Golden retriever lutam pelo resto da região. Uma menção especial vai para o Shih Tzu, que faz sua única aparição nas Filipinas. Este pequeno companheiro é originário do Tibete e se desenvolveu como um cruzamento entre os Lhasa Apso e outras raças imperiais chinesas.

(Foto: HouseholdQuotes)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

África:

O Pastor alemão é mais popular em 14 países africanos, ultrapassando o Rottweiler, que é o mais pesquisado em 13 locais. Mas, o Boerboel também faz um bom esforço: todas as quatro primeiras aparições foram em países africanos (Moçambique, Namíbia, África do Sul e Zimbábue). Na verdade, esse cão forte e inteligente é originário da África do Sul.

O Rhodesian Ridgeback (também conhecido como Leão-da-rodésia) faz sua única aparição como o número um em Botswana. Ele é outra raça sul-africana, embora ele tenha a primeira parte de seu nome do antigo nome de Zimbábue. O nome refere-se a uma faixa proeminente de pelo ao longo da espinha do cão. Foi dito que quanto mais pronunciada a crista, mais corajoso é o cão.

(Foto: HouseholdQuotes)
  • Back to top