Lua cheia altera o comportamento dos cães, indicam estudos - Pet é pop

  • Lua cheia altera o comportamento dos cães, indicam estudos

    Cão na lua cheia - Foto Pixabay
    -->



    Cão na lua cheia - Foto Pixabay

    A Lua controla marés, correntes e muito mais. As luas cheias têm uma longa história de impacto no comportamento humano, com aumento de visitas ao hospital e comportamento incomum, que varia de aumento do sonambulismo a ataques violentos. Mas como isso afeta nossos animais de estimação?

    Em um estudo de 2007, veterinários estudaram 11.940 casos no Centro Médico Veterinário da Universidade Estadual do Colorado (EUA). Eles descobriram que o risco de idas às urgências é 23% maior para gatos e 28% maior para cães nos dias em que há lua cheia.

    Também sabemos que os animais de estimação são muito mais ativos nos dias em torno da lua cheia, assim como os humanos. Mas isso significa que os animais são mais ativos porque há mais luz? Ou eles são mais ativos devido a alguma influência da lua cheia?

    Cão na lua cheia - Foto Pixabay

    Para responder a essas perguntas, a observação do comportamento da vida selvagem pode ajudar. Um estudo de 2011 no jornal PLOS One descobriu que os leões africanos são mais propensos a atacar e matar seres humanos nos dias imediatamente após a lua cheia.

    “Os leões africanos são tão sensíveis à luz da Lua quando caçam seres humanos como quando caçam herbívoros. E os leões são mais perigosos para os seres humanos quando a lua está fraca ou abaixo do horizonte. À noite, as pessoas são mais ativas entre o crepúsculo e as 22h. Portanto a maioria dos ataques de leões ocorre nas primeiras semanas após a lua cheia. Consequentemente, ela é um indicador confiável de perigo iminente, talvez ajudando a explicar por que a lua cheia foi objeto de tantos mitos e conceitos errôneos”, diz o estudo.

    Cão na lua cheia - Foto Pixabay

    Outros trabalhos sugerem que as presas são muito menos ativas nas noites em torno de luas cheias, provavelmente devido à sua maior visibilidade. Tradicionalmente, os animais ficam em suas tocas em luas cheias, para não serem vistos com facilidade.

    Até cascavéis, que preferem caçar, ficam em suas tocas em luas cheias, para que os pássaros não possam identificá-las.

    Esses comportamentos indicam algumas explicações. Mas talvez nunca possamos identificar plenamente o impacto da Lua em nós, na vida selvagem ou em nossos cães.

  • Back to top