Logo após a castração, dieta dos pets tem de ser adaptada - Pet é pop

Logo após a castração, dieta dos pets tem de ser adaptada

Logo após a castração, dieta dos pets tem de ser adaptada
Logo após a castração, dieta dos pets tem de ser adaptada
Logo após a castração, dieta dos pets tem de ser adaptada (Foto: meineresterampe/Pixabay)

De acordo com especialistas, os gatos precisam ser alimentados com uma dieta específica após a castração, para controlar o peso corporal dos felinos.

Veja também:

Segundo a Dra. Dylan Choy, gerente de comunicação científica da Royal Canin Malaysia, castrar seus animais de estimação é importante para manter o controle da população de rua e também traz para benefícios à saúde.

“Numerosos estudos provaram que os gatos castrados são mais saudáveis ​​e têm uma vida mais longa, já que a castração ajuda a prevenir infecções uterinas e tumores da glândula mamária, ao mesmo tempo que diminui o risco de câncer testicular e problemas de próstata em gatos machos”, disse ela.

A castração de gatos também pode reduzir o risco de contrair o Vírus da Imunodeficiência Felina (FIV), que se espalha pela saliva e pelo sangue quando lutam e se mordem.

Da mesma forma, o Vírus da Leucemia Felina (FeLV) também pode ser transmitido pela saliva ou pelas secreções nasais. O retrovírus, se não combatido pelo sistema imunológico de seu gatinho pode resultar em doenças que podem ser fatais.

As necessidades diárias de energia reduzem após a esterilização e a falta de nutrição adequada ou controle pode levar à obesidade em felinos que, por sua vez, pode resultar em outros problemas como problemas nas articulações, problemas do trato urinário e um risco aumentado de contrair diabetes. Também existe o risco de problemas digestivos devido à inatividade e hábitos excessivos de autocuidado, que geralmente são encontrados em gatos sedentários ou que vivem em casa.

“A maior complicação que pode surgir são os riscos à saúde decorrentes do potencial ganho de peso de um gato castrado. É normal que a ingestão de comida de um gato aumente em 48 horas após o processo de esterilização”, acrescenta ela.

  • Back to top