Homens com barba carregam mais bactérias do que cães, diz estudo - Pet é pop

Homens com barba carregam mais bactérias do que cães, diz estudo



Um estudo realizado pela clínica suíça Hirslanden, em Zurich, mostra que as barbas contêm mais bactérias do que a pelagem dos cães. O experimento foi feito em 18 humanos e 30 cachorros.

Por meio de exames de ressonância magnética, os pesquisadores descobriram que todas as barbas apresentavam altos níveis de micro-organismos. Entre os cães, 23 foram diagnosticados com altos níveis, enquanto sete tinham micróbios em nível moderado na pelagem.

O objetivo do estudo era pesquisar se havia algum risco de infecção caso o aparelho de ressonância magnética fosse usado por humanos e caninos. Apesar da amostragem pequena, os cientistas afirmam que os cães correm mais risco de receber algum agente patogênico.

Ao saber do estudo, líderes da organização britânica Beard Liberation Front (Frente de Libertação da Barba) se apressaram a dizer que esse tipo de noticiário só aumenta o preconceito sobre uma suposta falta de higiene dos barbudos. Para eles, trata-se de pogonofobia, que é o medo ou repulsa a barbas.

Veja também

+ Golden retriever obeso é abandonado, ganha nova família e perde 45 kg

+ Artista recria rostos de imperadores romanos

+App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+McDonald’s vende molho especial pela primeira vez no Brasil

+ Veja cinco coisas que provocam mau cheiro em cães e saiba como combatê-las

+ Edu Guedes faz desabafo sobre acidente de moto: ‘O susto foi grande’

+ Saiba mais sobre a vacina BCG, uma das mais importantes da infância

+ 4 passos fáceis para limpar o espelho com produto caseiro

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Fazer o bem alivia dores físicas e mentais, aponta estudo


  • Back to top