Homem de 66 anos é preso suspeito de estuprar a cadelinha da família - Pet é pop

Homem de 66 anos é preso suspeito de estuprar a cadelinha da família

Homem de 66 anos é preso suspeito de estuprar a cadelinha da família
Homem de 66 anos é preso suspeito de estuprar a cadelinha da família
Homem de 66 anos é preso suspeito de estuprar a cadelinha da família (Foto: Reprodução)

Um homem de 66 anos da Cidade do Cabo que supostamente foi pego pela filha de sua namorada fazendo sexo com a cadelinha da família deve comparecer ao Tribunal do Magistrado de Simon’s Town após ser preso na sexta-feira (20).

Veja também:

+ Bastante machucada, cadela estuprada por homem recebe a ajuda de moradores no interior de MG
+ Entenda o que o seu gato tenta dizer pra você quando ronrona
+ 6 dicas para fazer a vida do seu gato muito mais feliz

O porta-voz da polícia Joseph Swartbooi disse que a reclamante chegou em casa e começou a procurar sua cadela. Ela encontrou seu animal de estimação em outra sala e o homem estava deitado em cima do animal.

“A cadela saltou e o homem se vestiu. O animal já foi removido e colocado em um abrigo para animais por segurança”, disse Swartbooi.

A zoofilia é ilegal na África do Sul e é um crime em que uma pessoa tem qualquer forma de encontro sexual com um animal, explicou a porta-voz da SPCA do Cabo da Boa Esperança, Belinda Abraham.

Ela disse ao News24 que a dona da cadela estava “traumatizada” e havia contatado a Emma Animal Rescue Society, que a encaminhou para a SPCA para uma investigação mais aprofundada.

DNA
(Foto: Reprodução)

O inspetor da SPCA, Mark Syce, e a polícia foram enviados ao local para investigar a alegação. “Na chegada, o inspetor Syce encontrou a cadela da família violada e precisando de cuidados veterinários. Ela foi levada a um veterinário para um exame e para obter amostras de DNA para testes adicionais”, disse Abraham.

“Depois de questionado, a dona do cão também disse ao inspetor da SPCA que o suspeito abusou dela sexualmente quando criança. Ela apresentou queixa na época, mas nada resultou do caso”, acrescentou a porta-voz.

Belinda disse que a ligação entre a violência baseada no gênero e o abuso de animais é referenciada em pesquisas.

  • Back to top