Gato reaparece após 6 anos e conforta a dona, que enfrenta a Covid-19 - Pet é pop

Gato reaparece após 6 anos e conforta a dona, que enfrenta a Covid-19

Gato reaparece após 6 anos e conforta a dona, que enfrenta a Covid-19
Gato reaparece após 6 anos e conforta a dona, que enfrenta a Covid-19
Gato reaparece após 6 anos e conforta a dona, que enfrenta a Covid-19 (Foto: Artur Kornakov/Unsplash)

Um gato, que estava desaparecido há seis anos, voltou para casa bem a tempo de confortar sua dona, uma enfermeira que está lutando contra a Covid-19.

Veja também:

Eles passaram seis anos separados, mas o vínculo entre a enfermeira Ashley Orians e Charlie, que tem cerca de 10 anos, está mais forte do que nunca. Seus caminhos se cruzaram pela primeira vez em 2010.

“Eu o encontrei no campus da faculdade como um gatinho minúsculo com o rabo quebrado”, disse Ashley. Ela resgatou Charlie, e agora é a vez dele confortar sua dona enquanto ela se recupera do coronavírus.

Charlie desapareceu em fevereiro de 2015, enquanto Ashley morava perto de Charleston, Carolina do Sul. Ela andou pelas ruas, colocou panfletos e nunca parou de procurar, mesmo quando voltou para o interior do estado de Nova York. “Foram milhares de gatos laranja sobre os quais perguntei, e nenhum deles tinha o rabo quebrado”, disse ela.

A perseverança valeu a pena. Ela viu um gato malhado laranja na página de um animal de estimação desaparecido no Facebook que por acaso tinha aquela característica única, uma cauda quebrada.

Aparentemente, o gato curioso estava morando fora do consultório do dentista por todos esses anos. A equipe o mantinha bem alimentado e os pacientes sempre procuravam o felino amigável que chamavam simplesmente de “Orange Kitty” (Gatinho Laranja, em inglês).

Mas como levar Charlie a mais de 1400km da Carolina do Sul a Nova York enquanto Ashley estava em quarentena? Michael Morgan e sua empresa de transporte de animais entraram em cena. “Foi certamente uma honra para a minha empresa estar envolvida neste reencontro”, disse Morgan. “Fiquei pasmo, eles conseguiram encontrar o gato e devolvê-lo a ela.”

O retorno de Charlie foi positivo, em um ano especialmente difícil para Ashley, cujos dois outros gatos faleceram em 2020. “Eu simplesmente não posso nem dizer o quão animada estou por ele estar de volta e que ótimo começo para 2021, eu não poderia ter pedido nada melhor”, disse Ashley.

  • Back to top