Família perde cão de 18 anos e se consola com carta emocionante enviada pelo veterinário - Pet é pop

Família perde cão de 18 anos e se consola com carta emocionante enviada pelo veterinário

Família perde cão de 18 anos e se consola com carta emocionante enviada pelo veterinário
Família perde cão de 18 anos e se consola com carta emocionante enviada pelo veterinário
Família perde cão de 18 anos e se consola com carta emocionante enviada pelo veterinário (Foto: Michael/Unsplash)

Uma família em luto pela perda de seu amado cachorro de estimação recebeu uma carta de seu veterinário alegando ser de um anjo que agora estava cuidando de seu cãozinho no céu.

Veja também:

+ Sharon Stone anuncia a morte de seu cão, Joe, e é consolada pelos fãs
+ Conheça o resort em Dubai no qual os cães têm tratamento seis estrelas
+ Homem fica furioso ao ver cocô de cachorro no chão e destrói quarto com serra elétrica

Os donos de Sunny, de 18 anos, que teve que ser sacrificado devido à idade avançada, foram às redes sociais para enfatizar o quanto isso significou para eles após o aborrecimento de ter que dizer seu último adeus.

“Tivemos que sacrificar nosso cachorro. Ele tinha 18 anos. Recebemos esta carta do nosso veterinário. Não temos palavras agora”, dizia o post de acordo com o site The Mirror.

A carta dizia: “Olá. Meu nome é Ajudante. Eu sou um anjo. Há muitos anjos no céu e todos nós temos empregos diferentes. Meu trabalho é escrever para as pessoas e avisá-las que seus animais de estimação chegaram aqui. Um dos anjos-chefes me disse que você estava preocupado com Sunny e me pediu para escrever sobre ele.”

Tranquilizando a família, o “anjo” então disse que Sunny havia se estabelecido e estava “indo bem”, relatou o The Mirror. “Eu sei que ele estava doente quando estava com você. Ele ficou muito velho e quando você envelhece seu corpo não é tão forte quanto costumava ser”, ainda dizia a carta.

“Sunny estava cansado e acho que talvez ele soubesse que era hora de vir para cá. E foi uma coisa boa que ele fez, porque agora ele não está mais velho e também não está doente. Na verdade, eu o vi há pouco tempo e ele estava correndo e pulando com alguns outros cães e se divertindo muito.”

A carta também dizia que Sunny sente falta deles e espera o dia em que eles finalmente possam se reunir. “Até então, vamos mantê-lo ocupado e feliz. Aqui não temos tempo como você. Nunca escurece. É apenas um longo dia. E todos aqui são seus amigos, então não se preocupe”, garantiu o “anjo”.

“Sunny nunca vai ficar sozinho. Um dia, quando ele te ver de novo, será como se vocês nunca tivessem se separado”, completou a carta.



  • Back to top