Especialistas relacionam nove alimentos que podem matar o seu pet - Pet é pop

Especialistas relacionam nove alimentos que podem matar o seu pet

Especialistas relacionam nove alimentos que podem matar o seu pet
Especialistas relacionam nove alimentos que podem matar o seu pet
Especialistas relacionam nove alimentos que podem matar o seu pet (Foto: Christian Bowen/Unsplash)

Alguns alimentos amados pelos humanos são considerados “tóxicos” para os cães e, de acordo com especialistas da Battersea Dogs and Cats Home, os donos devem evitar alimentar seus pets com eles a todo custo.

Veja também:

+ 10 alimentos que você tem em casa e podem levar seu cão à morte
+ Martha Stewart diz que sua gata foi morta por engano pelos quatro cães da família
+ Confira 10 maneiras de manter o seu cão feliz no escritório

“Os cães podem ser oportunistas quando se trata de colocar as patas em guloseimas saborosas, mas nem todos os alimentos e bebidas do dia a dia são seguros se entrarem em contato com eles”, disse um porta-voz da organização de resgate ao site Daily Record.

“Se consumidos, mesmo pequenas quantidades desses itens podem ser fatais, então sempre aja imediatamente e leve seu cão ao veterinário”, acrescentou ele.

Confira os nove alimentos do dia a dia que são tóxicos para seus cães:

1. Cebola, alho, cebolinha

A família da cebola, seca é particularmente tóxica para os cães e pode causar irritação gastrointestinal e danos nos glóbulos vermelhos. Os sinais de doença nem sempre são imediatos e podem ocorrer até alguns dias depois.

2. Chocolate

Por mais atraente que o chocolate seja para todos, o chocolate é outro alimento venenoso para cães. O chocolate contém um estimulante chamado teobromina que é tóxico para os cães e pode causar insuficiência renal. O chocolate amargo tem mais teobromina do que o chocolate branco, por exemplo, mas ambos devem ser evitados.

3. Macadâmia

As nozes de macadâmia contêm uma toxina que pode afetar os músculos e o sistema nervoso do seu cão, resultando em fraqueza, membros inchados e respiração ofegante.

4. Espiga de milho

A espiga de milho pode ser fatal se ingerida pelo seu cão. Embora o milho seja digerido pelos cães, a espiga pode causar um bloqueio no intestino do seu cão.

5. Abacate

Abacates são outro alimento venenoso para cães. As plantas de abacate contêm uma substância chamada persina que está em suas folhas, frutos e sementes e pode causar vômitos e diarreia em cães.

6. Adoçante artificial (xilitol)

Muitos alimentos com baixo teor de gordura, diet e sem açúcar são frequentemente misturados com um adoçante artificial chamado xilitol, que causa uma liberação de insulina em nossos corpos.

No entanto, se o seu cão digere um desses alimentos adoçados artificialmente, ele pode entrar em hipoglicemia, que está ligada à insuficiência hepática e distúrbios de coagulação do sangue.

7. Álcool

O álcool tem um enorme impacto nos cães, mesmo em pequenas doses. A bebida não só causa intoxicação, mas pode levar a doenças, diarreia e até danos ao sistema nervoso central.

8. Ossos cozidos

Dar ao seu cão um osso cru para mastigar é ótimo, mas evite ossos cozidos a todo custo. Estes podem facilmente estilhaçar e, em grandes quantidades causar, podem causar prisão de ventre ou, na pior das hipóteses, uma perfuração do intestino que pode ser fatal.

9. Uvas e uvas passas

As passas estão em muitos dos alimentos que gostamos de comer, como bolos, biscoitos e cereais, por isso não é apenas com a forma de fruta que devemos nos preocupar.

O ingrediente ativo que causa a toxina é desconhecido, no entanto, tanto as uvas quanto as uvas passas podem causar danos graves ao fígado e insuficiência renal.



  • Back to top