Conheça o galgo escocês, raça da cadela que ganhou o mais importante prêmio canino dos EUA - Pet é pop

Conheça o galgo escocês, raça da cadela que ganhou o mais importante prêmio canino dos EUA

Conheça o galgo escocês, raça da cadela que ganhou o mais importante prêmio canino dos EUA
Conheça o galgo escocês, raça da cadela que ganhou o mais importante prêmio canino dos EUA
Conheça o galgo escocês, raça da cadela que ganhou o mais importante prêmio canino dos EUA (Foto: American Kennel Club)

Claire, o Galgo escocês, derrotou centenas de cães e levou para casa o prêmio principal da Exposição Canina Nacional. Ela foi eleita a melhor do evento, dentre 600 cães. Mas, nem todos conhecem o Galgo escocês. Confira algumas informações e curiosidades:

Veja também:

Conheça o cão com um pescoço semelhante ao das girafas
Arqueologistas encontram cão enterrado com o dono há 8.400 anos
Famintos, cães devoram a própria dona no Rio de Janeiro

Origem

O Galgo escocês é uma das raças mais altas do mundo. Chamado de Deerhound em inglês, os cães desta raça foram fiéis companheiro dos escoceses. Hoje se tornaram raros, mesmo em seu país de origem.

Eles eram usados para caçar lobos e depois para caçar os veador das Terras Altas, a zona montanhosa do norte da Escócia, desde o século XVI.

Temperamento

Eles são corajosos, obedientes e também sensíveis e gentis. Gostam de atenção e não respondem bem a tratamentos rígidos. Eles são difíceis de adestrar, exigindo muita paciência. Petiscos e elogios são as melhores técnicas para treinamento.

Pelagem

Esta raça possui um dos pelos mais distintos do mundo canino. O pelo é áspero e não segue um padrão definido, parecendo que está despenteado. Mas, nas orelhas, o pelo é bem liso e macio.  Alguns criadores chegam a comparar a pelagem deste cão com a de um camundongo.

Apesar do Galgo escocês cinza ser o mais comum, também existem variações em outras cores.

Aspecto

Eles possuem uma cabeça larga, que afina ao longo da descida para o focinho pontudo. São conhecidos por terem uma estrutura digna de caça, são altos e extremamente velozes, combinando potência e resistência necessárias para derrubar um veado.

Cuidados

Por serem cães caçadores, eles precisam de exercícios diários. Uma boa corrida ou uma caminhada longa devem ser partes do dia a dia destes cães. Por serem gigantes, é importante que ele seja acostumado a fazer exercícios gradualmente desde filhote, para que seus ossos e articulações não sejam danificados. Especialmente quando filhotes, eles devem ter acesso irrestrito a um quintal grande, para que eles possam sair e correr quando sentirem vontade.

Como dito anteriormente, a pelagem deste cão é singular e precisa de cuidados para evitar nós, por isso, deve ser escovado duas ou três vezes por semana.

Banhos são necessários apenas quando o cão está sujo, no mais, cuidados básicos como aparar unhas, manter os ouvidos limpos e secos, higiene dental, entre outros.

Importante salientar que eles possuem predisposição a obesidade e são mais sensível a anestésicos.

  • Back to top