Conheça Champ e Major, os primeiros cães de abrigo a morar na Casa Branca - Pet é pop

Conheça Champ e Major, os primeiros cães de abrigo a morar na Casa Branca

Conheça Champ e Major, os primeiros cães de abrigo a morar na Casa Branca
Conheça Champ e Major, os primeiros cães de abrigo a morar na Casa Branca
Conheça Champ e Major, os primeiros cães de abrigo a morar na Casa Branca (Foto: Reprodução/Instagram)

Os mais novos cães preferidos da América, Champ e Major, finalmente estão morando com seu amado dono, o presidente Joe Biden, na Casa Branca.

Veja também:

Depois de quatro longos anos, a Casa Branca finalmente tem cães residentes novamente. Joe Biden tomou posse na última quarta-feira (20) e levou seus cães, Champ e Major, para a nova residência pelos próximos quatro anos.

O presidente Donald Trump foi o primeiro líder dos EUA em mais de um século a não dividir a Casa Branca com um animal de estimação. E Biden apontou isso seis meses após o início de sua campanha.

Ele twittou: “Alguns americanos celebram o #DiaNacionalDoGato, outros comemoram o #DiaNacionalDoCão. O presidente Trump não comemora nenhum dos dois. Isso diz muito. É hora de colocarmos um animal de estimação de volta na Casa Branca.”

A tradição remonta ao primeiro presidente, George Washington, que possuía vários cães, incluindo Sweet Lips, Venus, Trulove, Taster, Tippler, Drunkard e Madame Moose. Desde então, a tradição foi conduzida por 29 dos 44 presidentes.

Veja também:

O presidente Trump explicou em um comício no Texas no ano passado: “Eu não me importaria de ter um, honestamente, mas não tenho tempo. Como eu ficaria passeando com um cachorro no gramado da Casa Branca?”.

Conheça Champ e Major

Joe Biden e sua esposa Jill compartilham os dois cães. Ambos são pastores alemães. Champ tem 12 anos e o Major tem dois. Champ deve conhecer Washington, pois morou lá quando Biden era vice-presidente de Barack Obama.

Já o Major terá uma honra especial ao entrar na Casa Branca, tornando-se o primeiro cão de resgate a morar lá. Biden recebeu algumas críticas de ativistas dos direitos dos animais quando comprou o Champ de um criador na Pensilvânia. Ele não cometeu o mesmo erro novamente e escolheu Major da Delaware Humane Association em 2018.

“Adote, não compre”

Notícias de Major entrando na Casa Branca foram bem recebidas por organizações de direitos dos animais. Patrick Carroll, diretor executivo da Delaware Humane Association, disse ao New York Times que Major “mostra as possibilidades reais do que poderia acontecer a todos os grandes cães que precisam de lares”.

A ASPCA (Sociedade Americana para a Prevenção da Crueldade com os Animais) disse no Instagram: “Esta é uma oportunidade maravilhosa para as pessoas verem como a criação e adoção de animais salva vidas”.

Celebridades das redes sociais

Champ e Major abriram contas no Twitter e no Instagram, informando aos fãs que a dupla está animada para explorar a Avenida Pensilvânia, 1600.

Seu primeiro post dizia: “Olá América! Olá Mundo! Somos nós, Champ e Major. Nós somos os cãezinhos da família Biden e os primeiros cães eleitos dos EUA. Queremos agradecer a todos por seu apoio, compartilhando nossas aventuras residenciais aqui! Au! Au!”

  • Back to top