Coleira antipulgas seria responsável pela morte de 1.700 pets, diz agência - Pet é pop

Coleira antipulgas seria responsável pela morte de 1.700 pets, diz agência

Coleira antipulgas seria responsável pela morte de 1.700 pets, diz agência
Coleira antipulgas seria responsável pela morte de 1.700 pets, diz agência
Coleira antipulgas seria responsável pela morte de 1.700 pets, diz agência (Foto: Leo_65/Pixabay)

Uma coleira contra pulgas e carrapatos para cães e gatos foi associada a quase 1.700 mortes de animais de estimação e dezenas de milhares de feridos, de acordo com um relatório.

Veja também:

As coleiras Seresto, que funcionam liberando pequenas quantidades de pesticidas no animal por meses a fio, foram as causas das mortes e dos ferimentos nos animais de estimação, segundo o relatório publicado pelo Midwest Center for Investigative Reporting e o site USA Today.

Desde que a Seresto introduziu as coleiras em 2012, a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA) recebeu relatórios de pelo menos 1.698 mortes relacionadas a animais de estimação.

Em junho de 2020, a EPA também havia recebido mais de 75 mil relatórios de incidentes relacionados às coleiras, de acordo com documentos obtidos pelo Center for Biological Diversity e compartilhados com o Midwest Center for Investigative Reporting.

Quase 1.000 dos incidentes relatados envolveram danos humanos, indicam os documentos. A EPA sabe sobre os incidentes há anos, mas não informou o público sobre o risco potencial associado às coleiras, de acordo com Karen McCormack, uma funcionária aposentada da EPA.

“A EPA parece estar fechando os olhos para este problema e, após sete anos de um número crescente de incidentes, eles estão dizendo ao público que continuam monitorando a situação”, disse McCormack no relatório. “Mas eu acho que este é um problema significativo que precisa ser resolvido mais cedo ou mais tarde.”

Embora a EPA tenha se recusado a dizer como o Seresto se compara a outros produtos para animais, um porta-voz da agência disse em um e-mail para os autores do relatório: “Nenhum pesticida é completamente isento de danos, mas a EPA garante que há medidas no rótulo do produto que reduzem risco.”

Rhonda Bomwell, de Nova Jersey, perdeu seu cão de serviço Papillon por uma convulsão em junho, apenas um dia depois de colocar uma coleira Seresto no animal, de acordo com o relatório. Seresto também continua sendo a coleira mais vendida na Amazon, apesar das inúmeras reclamações, aponta o relatório.

  • Back to top