Castrou seu gato? Ótimo... agora só falta ajustar a dieta dele - Pet é pop

Castrou seu gato? Ótimo… agora só falta ajustar a dieta dele

Castrou seu gato? Ótimo... agora só falta ajustar a dieta dele
Castrou seu gato? Ótimo... agora só falta ajustar a dieta dele
Castrou seu gato? Ótimo… agora só falta ajustar a dieta dele (Foto: Pixabay)

A decisão de castrar um animal de companhia é um ato de amor com o pet. Muitos médicos veterinários recomendam a realização da cirurgia, especialmente para quem divide a rotina com os gatos, destacando os diversos benefícios que ela traz para a saúde do pet: aumenta consideravelmente sua expectativa de vida, diminui a incidência de doenças como neoplasia (tumor), evita o miado excessivo de fêmeas durante o cio e previne brigas, pois a redução da produção de hormônios sexuais colabora para o controle da agressividade e agitação dos animais. Além disso, é a medida mais segura e eficaz para evitar a reprodução indesejada e o crescimento da população de animais abandonados.

Veja também:

+ Entenda por que é fundamental castrar seu gato antes dos 4 meses de vida
+ Você deve castrar seu gato antes da puberdade; saiba por quê
+ Logo após a castração, dieta dos pets tem de ser adaptada

A castração faz ainda com que os gatos fiquem mais tranquilos e caseiros, pois a redução hormonal leva a uma diminuição de seu metabolismo. Consequentemente, o animal se exercita menos, por isso suas necessidades energéticas passam a ser menores. Gatos machos são um exemplo clássico de como a castração interfere no ganho de peso, pois ao perderem o interesse pela fêmea, tornam-se mais sedentários e propensos ao ganho de peso.

Diante das mudanças significativas que ocorrem no organismo dos gatos após a castração, suas necessidades nutricionais também são diferentes. Lara Volpe, médica veterinária da Adimax, uma das maiores fabricantes de alimentos para cães e gatos do Brasil, explica: “Gatos castrados necessitam de menor ingestão de gordura, uma vez que gastam menos energia, e maior de proteínas e fibras, nutrientes que colaboram para a manutenção de sua massa muscular e aumentam a saciedade, respectivamente. Por isso, oferecer a eles um alimento balanceado específico para essa condição é essencial, a fim de contribuir para o funcionamento saudável de seu organismo e prevenir o ganho excessivo de peso”. 

Pensando nas necessidades específicas dos gatos castrados, a Adimax oferece alimentos em suas linhas Fórmula Natural Fresh Meat e Fórmula Natural Life, com diferenciais que garantem nutrição de alta qualidade para os felinos. São alimentos que contribuem para a manutenção do peso, pois têm menos gorduras e mais fibras em sua composição (sendo que esta última também colabora para a saúde intestinal), auxiliam na manutenção da massa muscular, pois contém mais proteína, e ainda contém minerais calculados para atingir a faixa adequada do pH urinário. 

A especialista em nutrição de cães e gatos observa outra característica específica dos felinos, reforçando a importância da alimentação específica e adequada: “Os gatos ingerem pouca água e por isso, têm predisposição à formação de cálculos urinários. O equilíbrio do pH urinário é importante, pois a urina ácida ou alcalina pode predispor a formação de cálculos, e uma maneira de colaborar para o pH urinário ideal é pelo balanceamento adequado dos minerais presentes nos alimentos.

A cirurgia de castração em gatos pode ser realizada a partir dos 60 dias de vida. No entanto, para os casos de animais com idade mais avançada, pode ser recomendado que o animal passe por avaliação clínica mais aprofundada, a depender do parecer do médico veterinário. Por isso, nunca deixe de procurar um profissional de confiança. Caso o tutor não possa pagar pela castração do seu pet, pode se informar sobre os programas de controle reprodutivos gratuitos de sua cidade, nos Centros de Controle de Zoonoses (CCZs).

  • Back to top