Cão heroico salva a família atacada por dois bandidos armados - Pet é pop

Cão heroico salva a família atacada por dois bandidos armados

Cão heroico salva a família atacada por dois bandidos armados
Cão heroico salva a família atacada por dois bandidos armados
Cão heroico salva a família atacada por dois bandidos armados (Foto: Reprodução/Facebook)

Um cão de resgate levou uma bala por sua família adotiva enquanto tentava protegê-los durante uma violenta invasão de uma casa.

Veja também:

+ Casal salva cão que foi deixado para morrer amarrado em trilhos de trem
+ Estudo mostra que cães e homens conviviam no Caribe há mais de 10 mil anos
+ Homem é processado por supostamente ter jogado no mar cão preso a bloco de concreto

Kei, uma jovem cadela, que levou um tiro no rosto durante o ataque, receberá um prêmio da SPCA de Boksburg por seu feito heróico. De acordo com a SPCA, dois ladrões armados invadiram a casa da família em Lakefield, na cidade de Benoni, na África do Sul, durante as primeiras horas do último domingo, enquanto eles estavam dormindo.

“Um intruso entrou no quarto principal onde um tiroteio terrível aconteceu e o intruso foi morto a tiros. O segundo intruso entrou no quarto da filha mais velha, arma na mão, sem saber que Kei também estava na cama e cuidando de sua melhor amiga”, disseram.

“Kei reconheceu o perigo imediatamente e voou pela sala antes que o intruso pudesse passar pela porta, atacando-o com uma força que ele não esperava. O intruso recuou para o corredor e desceu as escadas, deixando um rastro de sangue atrás de si. Enquanto ele fugia, ele atirou e matou a outra cadela da família, Holly, que, por menor que fosse, também deu a vida para proteger sua família.”

Kei perseguiu o intruso escada abaixo e entrou na cozinha, onde o intruso abriu fogo e atirou em seu rosto. Deixando Kei ferida e atordoada, ele escapou. “Kei sabia que precisava buscar ajuda e, apesar de seus ferimentos, saiu pelo portão para alertar um vizinho que ela conhecia bem. Imagens de vigilância mostram ela andando para cima e para baixo no portão tentando obter ajuda”, acrescentaram.

“Ela não conseguia latir porque uma bala quebrou sua mandíbula. Sem sorte, ela correu até o lago, um lugar com o qual está familiarizada, em busca de ajuda.” Depois de uma busca frenética de 40 minutos, a família conseguiu localizar Kei e contatou a SPCA para ajudar.

“Kei foi levada às pressas para um veterinário depois do expediente, onde a estabilizaram e deram morfina. As coisas não pareciam boas para Kei. Mais tarde naquela manhã, Kei foi radiografada. Foi descoberto que a bala havia entrado na lateral de seu nariz, estilhaçou dois molares superiores, feriu gravemente sua língua e quebrou sua mandíbula. A cirurgia foi feita para reparar a língua e feridas de bala”, contaram.

Ela foi encaminhada para o hospital Acadêmico Veterinário Onderstepoort, onde foi estabelecido que ela precisaria de uma cirurgia reconstrutiva na mandíbula. Seu tratamento está estimado em R60.000 (cerca de R$ 22 mil).

“A SPCA de Boksburg vai presentear Kei com um prêmio por heroísmo assim que ela melhorar. Kei protegeu sua família porque ela se sentiu amada e não foi simplesmente colocada no quintal por “segurança”, como tantos cães neste país. Este é um belo exemplo de como um animal SPCA indesejado, de raça cruzada, pode ir de ‘zero a herói’.”

  • Back to top