Após aulas de bons modos, cães de Joe Biden voltam para a Casa Branca - Pet é pop

Após aulas de bons modos, cães de Joe Biden voltam para a Casa Branca

Após aulas de bons modos, cães de Joe Biden voltam para a Casa Branca
Após aulas de bons modos, cães de Joe Biden voltam para a Casa Branca
Após aulas de bons modos, cães de Joe Biden voltam para a Casa Branca (Foto: Reprodução/Instagram)

Após terem mordido um membro do governo e concluírem aulas de bons modos, os cães de Joe Biden voltaram a morar na Casa Branca.

Veja também:

Michael LaRosa, porta-voz da primeira-dama Jill Biden, confirmou à NPR na manhã de quarta-feira (24) que os cães estão na Casa Branca.

A secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, disse a repórteres que Champ e Major se juntaram à primeira família em Camp David, em Maryland, no fim de semana e retornaram à Casa Branca no domingo. Ela disse que “não será incomum” para os cães e seus donos irem e voltarem para Delaware.

Joe Biden chegou a defender o cãozinho em uma entrevista ao Good Morning America, da ABC, e disse que Major, de 3 anos, é “um cachorro doce” que acabou se assustando ao ver uma pessoa desconhecida em sua nova casa.

“Você vira uma esquina e há duas pessoas que você não conhece”, disse Biden. “E ele se move para proteger.” Ele acrescentou que o Major “não mordeu ninguém e nem penetrou na pele”.

Psaki disse no início deste mês que Major “reagiu de uma forma que resultou em um ferimento leve” a um indivíduo não identificado, com a NBC News relatando que ele beliscou a mão de um agente do Serviço Secreto.

Ela disse que os dois cães foram enviados para a casa dos Bidens em Delaware, como parte de uma visita previamente planejada enquanto a primeira-dama estava viajando. “Ele estava indo para casa”, disse o presidente na semana passada. “Eu não o bani para casa. Jill ia ficar fora por quatro dias. Eu ia ficar fora por dois, então o levamos para casa.”

Major fez algumas aulas de bons modos enquanto estava lá, de acordo com Biden, que destacou que o cão de resgate ainda está se adaptando ao seu novo ambiente. Os Bidens adotaram Major da Delaware Humane Association, de onde ele veio de uma ninhada de seis filhotes caídos em más condições após a ingestão de uma substância tóxica desconhecida, em 2018.

De acordo com o abrigo, Biden procurava um companheiro para Champ, que agora tem 12 anos. Major é o primeiro cão a ir de um abrigo para a Casa Branca.

  • Back to top