Advogada abandona salário milionário, aprende a ‘falar’ com pets e passa a faturar mais ainda - Pet é pop

Advogada abandona salário milionário, aprende a ‘falar’ com pets e passa a faturar mais ainda

Advogada abandona salário milionário, aprende a ‘falar’ com pets e passa a faturar mais ainda

Advogada abandona salário milionário, aprende a ‘falar’ com pets e passa a faturar mais ainda
Advogada abandona salário milionário, aprende a ‘falar’ com pets e passa a faturar
mais ainda (Foto: Reprodução/Instagram)

Uma advogada que deixou o emprego em que ganhava 75.000 mil dólares por ano após aprender a falar com animais, sim isso mesmo! Agora está ganhando US$ 350 por hora como médium de animais de estimação.

+Vídeo hilário: buldogue preguiçoso ganha smartwatch para ver se dá pelo menos 20 passos por dia
+As 10 melhores raças de cães para quem quer economizar com banho e tosa
+Vídeo fofo: gato vira babá e faz bebê humano parar de chorar e começar a dormir

Nikki Vasconez, de 33 anos, mora na Filadélfia, Pensilvânia, e era advogada de propriedade em tempo integral quando começou a pesquisar como se comunicar com animais em setembro de 2020. “Comecei praticando com animais de estimação da família e amigos, e animais de alguns estranhos de graça. Mas assim que criei contas de mídia social, comecei a ganhar seguidores constantes e não demorou muito para que os pedidos começassem a chegar“, revelou.

Nikki explicou que ela era infeliz como advogada, mas tinha medo de mudar de carreira. “Meus dias eram longos porque eu estava viajando 90 minutos em cada sentido. Eu saía de casa às 6h da manhã e só chegava em casa às 18h30, à noite“, relembrou.

Eu estava até me envolvendo em acidentes de carro porque estava muito esgotada física e mentalmente. Eu tinha muitos empréstimos estudantis, então inicialmente estava relutante em deixar o escritório de advocacia, mas decidi dar um salto de fé, e estou muito feliz por ter feito isso. Eu não poderia estar mais feliz agora fazendo o que eu mais amo“, disse Nikki.

A ex-advogada lançou seu negócio, Nikki Vasconez Animal Communication, no Facebook, Instagram e TikTok, em setembro de 2021. “Quando criei minha conta no TikTok, ganhei 175.000 seguidores em meses e, em janeiro de 2022, tive que parar de fazer reservas porque estava muito atarefada”, disse ela.

@nikkivasconez #answer to @p0kemonn__ I host workshops teaching you!! #petpsychic #animalcommunicator #psychicabilities #dogmommaaf ♬ original sound – Animal Communicator Nikki

O negócio acabou de decolar. Eu estava trabalhando em pedidos, que estavam com backup por meses. Eu não podia acreditar. Eu tive que montar uma lista de espera, que tinha um total de 4.000 pessoas pedindo que eu falasse com seus animais“, continuou.

Nikki cobra US$ 350 por cada sessão de uma hora, e restringe suas comunicações a duas por dia para garantir leituras de melhor qualidade. Para realizar a leitura, ela precisa de uma foto do animal onde possa ver seus olhos. Os únicos detalhes que ela gosta de saber sobre o animal de estimação são seu nome, sexo e os nomes das pessoas em sua casa. Ela explicou que não quer saber muito sobre o animal para que o ‘cérebro humano’, não interfira nas mensagens que está recebendo.

Ela grava suas perguntas e as ‘respostas’ do animal em seu telefone para que os donos possam ouvir a conversa completa. “Quando estou me comunicando com os animais, às vezes vejo imagens passando pelos meus olhos ou ouço frases específicas“.

Nikki também oferece serviços para falar com animais que já faleceram. “Dos animais com quem falei que já faleceram, eles nunca ficam chateados, zangados ou guardam rancor. Na minha experiência, eles sempre foram felizes e livres e falam sobre como partes de seu corpo foram restauradas e doenças que desapareceram“, comentou.

Embora muitos tenham se interessado por seus serviços, Nikki contou que também recebe muitas críticas de usuários do TikTok que suspeitam de suas alegações.

Há muitas pessoas que são muito céticas e dizem que eu sou uma fraude. Entendo que pode ser confuso, pois somos criados para acreditar que a comunicação entre espécies não é a normal. A crítica inicialmente me incomodou, mas não me importo mais“, comentou.



  • Back to top